Seja bem-vindo - Sexta-Feira, 22 de Setembro de 2017 - 15:48

O dia de Pentecostes


O Espírito Santo age em nossa vida.

“Quando chegou o dia de Pentecostes, os discípulos estavam todos reunidos no mesmo lugar. De repente, veio do céu um ruído como de um vento forte, que encheu toda a casa em que se encontravam. Então apareceram línguas como de fogo que se repartiram e pousaram sobre cada um deles. Todos ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito lhes concedia expressar-se. Residiam em Jerusalém judeus devotos, de todas as nações que há debaixo do céu. Quando ouviram o ruído, reuniu-se a multidão, e todos ficaram confusos, pois cada um ouvia os discípulos falar em sua própria língua” (At, 2, 1-6).

O Espírito Santo age de muitas maneiras em nossa vida e, à medida que caminhamos na fé, na oração e na maturidade espiritual, vamos percebendo melhor sua ação. Precisamos invocá-lo constantemente, para que nossos pensamentos, atitudes e ações estejam de acordo com as do próprio Espírito e com a vontade divina.

O Espírito Santo age em nossa vida através de seus dons, virtudes, carismas e inspirações, sempre com a intensão de nos santificar, santificar nossa família, a sociedade e o mundo. E, para isso, Ele age de maneira concreta.

O Espírito Santo nos conscientiza e nos afasta do pecado e da mentira; nos impulsiona à caridade, ao amor e à verdade; nos fortalece nos momentos difíceis; nos orienta nas decisões importantes da vida; nos dá coragem e sabedoria para sermos anunciadores do Evangelho.

Sua ação é discreta, mas poderosa, quando damos um bom conselho, quando somos caridosos, quando perdoamos ou pedimos perdão, quando somos pacientes e tolerantes, quando vencemos o orgulho e a vaidade, quando confessamos os nossos pecados, quando rezamos sozinhos ou com a comunidade.

Comece a observar a ação do Espírito Santo em sua vida. Você vai se surpreender.


Referência:
Construção do texto e edição.
Santuário Nossa Senhora Desatadora dos Nós.


Voltar

Links Relacionados